segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Cowboys Espirituais




É mais uma prova da grande “suruba” do rock gaúcho. Os integrantes de outras bandas se juntam para formar uma outra banda. O Frank Jorge, que foi da Graforréia, mais o Petraco, que foi do TNT e mais o Júlio Reni que é o pai de Não chores, Lola, resolveram fazer rock de cowboy no início dos Anos 90. A grande sacada foi O mundo é maior que teu quarto, na voz de Julinho.

E foi justamente com essa música que conheci os caras, em um CD do meu primo Júlio. Mas, naquela época, não reconheci os caras que estavam embaixo dos chapéus. E, hoje, quando passo pela Rua da Praia e vejo Mr. Petraco tocando com a Blue Grass, eu penso “é, essa suruba não termina nunca”. Que bom.

Os Cowboys foi tipo um projeto paralelo, eu acho. O CD inteiro é bom, apesar de meio triste em algumas faixas. Jovem Cowboy, Forasteiro Triste, Não chores, Lola, todas muito boas. Mas foi com O mundo é maior que teu quarto que os Cowboys ganharam a mim e aos outros amantes do Pampa Rock. Aprendi a tocar a música no violão e me achava a guria mais feliz do mundo, e sabia que ele era bem maior que o meu quarto.

Nenhum comentário: