quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Turminha de Brasília

La trinca del punk brazuca

Plebe Rude
A lembrança que tenho da Plebe Rude é de Até quando esperar tocando na madrugada, ou em uma noite de chuva. De resto, só o que li a respeito. Fui conhecer nos anos 2000, quando comecei a “estudar rock and roll”. Mas confesso que pouco conheço dos caras que afirmaram que O concreto já rachou.

Entretanto, na onda dos revivals oitentistas, o Capital Inicial ressurgiu das cinzas – ou da poeira – com mais energia do que nunca. Puxados por um Dinho de cabelicho arrepiado, os brasilienses ganharam as paradas com o hit Natasha nos início dos anos 2000. Então, eu fui saber que aquela era uma antiga banda dos anos 80, amigos da Plebe e da Legião Urbana.

"Com tanta riqueza por aí, onde é que está
Cadê sua fração..."
[Até quando esperar - Plebe Rude]
Comprei o acústico MTV deles – responsável pelo retorno dos Capitais Iniciais – e passava tardes ouvindo O mundo, Todas as noites, Primeiros erros, Tudo que vai, Independência, Cai a noite, Eu vou estar... Todas elas com seu significado.

Capital Inicial
"Todas as noites, são iguais
Os meninos satisfeitos
E as meninas querem mais..."
[Todas as noites - Capital Inicial]

Depois, começaram a surgir músicas novas: Quatro vezes você, Nunca disse adeus... Dessas duas, eu gosto. A terceira banda da trinca  del punk de Brasília não será retratada neste texto, pois ela merece um texto único, assim como é único o seu capítulo na história do rock brasileiro. Adivinha quem é?

Um comentário:

...(D) disse...

Confeso que minha lembrança de Plebe Rude é semi-parecida, e a música costuma pipocar em versões cover por ai quando se vai num show de banda independente. Pude conhecer os caras do Capital Inicial há uns meses atras e os achei até que divertidos, mas o som deles não me empolgou muito depois do especial do Aborto Elétrico. Acho o Loro Jones um guitarrista muito melhor que o Yves que é sem sal, sem açucar e ficou um superpop, mesmo assim é uma das poucas que sobreviveu os 80 e acho que foi a banda que melhor se reinventou.